« Home | Primeiras uniões homossexuais no Reino Unido » | Lésbicas reconhecidas » | Casamento entre homossexuais permitido a partir de... » | Bill Clinton felicita Elton John pelo casamento » | Debates das Presidenciais 2006: casamento homossex... » | O nosso amor é sagrado » | Debate entre Francisco Louçã e Jerónimo de Sousa » | George Michael dá o nó » | ILGA - Pelo direito ao casamento para todos » | E se em Portugal duas pessoas do mesmo sexo pudess... » 

terça-feira, dezembro 20, 2005 

Primeiro casamento 'gay' no Reino Unido


Grainne Close e Shannon Sickles não escondiam a felicidade

Grainne Close, assistente social de 32 anos, e Shannon Sickles, actriz de 27 anos, entraram ontem de manhã de mãos dadas no registo civil de Belfast, na Irlanda do Norte. Quando saíram, 20 minutos depois, eram já o primeiro casal homossexual do Reino Unido a ser reconhecido por lei, depois de as uniões entre pessoas do mesmo sexo terem sido equiparadas aos casamentos heterossexuais.

A nova legislação, que entrou em vigor no passado dia 5 em todo o Reino Unido, permitiu que Grainne Close e a sua parceira de origem norte-americana, Shannon Sickles, passem, depois de quatro anos de namoro, a beneficiar dos mesmos direitos e responsabilidades que um casal heterossexual.

Uma multidão de manifestantes anti-homossexuais, liderados por alguns padres católicos, manifestou-se à porta do registo civil contra o acto. Em alguns cartazes lia-se "os homossexuais não vão herdar o reino dos céus". E, de acordo com a edição online do Times, o reverendo James Dawson chegou mesmo a dirigir-se a um par de lésbicas, dizendo "vocês são uma abominação perante Deus". Felizmente, os defensores dos direitos dos homossexuais, que também lá se encontravam a celebrar, responderam sempre com muito humor e em nada perturbaram a cerimónia, que contou com a presença de 70 convidados.

No final, à porta do registo, Close disse aos jornalistas que tanto ela como a sua parceira se sentiam "muito privilegiadas" por finalmente poderem ter tido "o direito de optar" sobre o que querem fazer das suas vidas. A sua parceira, Sickles, agradeceu o trabalho dos activistas dos direitos homossexuais, que, na sua opinião, "abriram caminho para que muita gente se possa agora se sentir mais livre e respeitada".

A Irlanda do Norte foi a primeira região do Reino Unido onde a nova lei pôde ser aplicada, sendo seguida hoje pela Escócia e finalmente pelo País de Gales e Inglaterra, amanhã, com a realização de mais uniões civis entre pessoas do mesmo sexo. Para amanhã, o departamento de estatísticas do governo britânico prevê que se realizem 687 uniões civis, sendo Londres o local que regista maior concentração de pedidos. Entre os noivos estará o famoso músico Elton John, que fez questão de casar com o seu companheiro no primeiro dia da legalização.

Depois da capital, o fenómeno mais curioso é o de Brighton, uma estância balnear no sul de Inglaterra, conhecida por ser frequentada por homossexuais, onde o registo civil local recebeu já 510 pedidos para formalizar relações entre pessoas do mesmo sexo, tendo garantido que quase 200 serão de facto realizadas até ao final deste ano.

Diário de Notícias

Objectivo

  • O objectivo deste blog é recolher toda a informação relativa ao casamento entre pessoas do mesmo sexo que vá sendo publicada nos principais meios de comunicação portugueses. E a informação publicada no estrangeiro sobre Portugal. Além de textos informativos também serão recolhidos textos de opinião positiva ao casamento homossexual. Este blog não tem qualquer finalidade comercial, no entanto se alguma entidade se sentir lesada ou não permitir a utilização de algum conteúdo constante neste sítio comunique-nos, por favor, através do nosso e-mail, que também deve ser usado para nos enviar qualquer sugestão, dúvida ou comentário. Obrigado.
Powered by Blogger
and Blogger Templates